A Propriedade

CASTELO, FESTIVAL DE JARDINS E CENTRO DE ARTES E NATUREZA

published at 28/07/2017

UM CASTELO ÚNICO, HABITAÇÃO DE REIS E PRINCESAS DE FRANÇA

Ao dominar o Loire, classificado como património mundial da UNESCO pelas paisagens culturais, é um dos castelos mais notáveis do Vale do Loire. Rodeado por um jardim paisagístico, oferece um panorama excecional.
Propriedade, no século XVI, da rainha Catarina de Médicis e depois da sua rival, Diana de Poitiers, o castelo recebeu várias personagens célebres ao longo da sua história, como Nostradamus, o escultor Nini, Benjamin Franklin ou Germaine de Staël.
No fim do século XIX, conhece um intenso período de brilho e festas quando a princesa de Broglie, última proprietária privada do domínio, lhe confere um impulso extraordinário de modernidade.
 
A VISITAR NO CASTELO​
Os aposentos históricos
Os aposentos privados
A capela
 
NAS IMEDIAÇÕES DO CASTELO​
As Cavalariças 
O Parque Histórico
 
DURAÇÃO DA VISITA: 1h30

27º FESTIVAL INTERNACIONAL DE JARDINS

O Festival Internacional de Jardins é um encontro internacional incontornável. Evento emblemático da Propriedade , é dedicado à criação, à imaginação, à poesia e à natureza. Reconhecido há mais de 26 anos pelos profissionais e pelos apaixonados por jardins recebe, todos os anos, paisagistas e designers de todo o mundo. É fruto de um concurso anual onde um júri seleciona mais de vinte projetos, criados por equipas multidisciplinares. Também são fornecidos «Cartes Vertes» aos convidados da Propriedade. A revelação do tema anual do Festival é uma verdadeira surpresa, que todos aguardam.
 
À VOLTA DO FESTIVAL
Os Prés du Goualoup
Pequena Estufa
Horta
Labirinto das Dálias 
 
NOVIDADES DE 2018​
«A Caminhada das Sombras»
O renascimento do Vale das Brumas
A reabertura do Passeio das Tílias do Parque Histórico.
 
DURAÇÃO DA VISITA: 3 h

CENTRO DE ARTES E NATUREZA: 10 ANOS DE ARTE DE CHAUMONT-SUR-LOIRE

Todos os anos, o Centro de Artes e Natureza convida artistas de renome internacional, artistas plásticos e fotógrafos para virem criar obras inéditas e originais sobre o tema da natureza. Espalhadas pelos 32 hectares do local, as obras de arte realizadas, fruto de um verdadeiro encontro entre os artistas e o espírito da Propriedade , oferecem aos visitantes um percurso iniciático rico em descobertas, surpresas e emoções.
 
Espaços onde se podem descobrir as instalações de arte:
Castelo, Galeria do Funcho e Galeria do Pátio dos Jardineiros, Apiário, Estábulo dos Burros, Grandes Cavalariças, Galeria Longa das Cavalariças e ao longo dos caminhos do Parque Histórico.
 
Várias obras no Parque Histórico oferecem um percurso poético e artístico cheio de surpresas durante todo o ano.
 
DURAÇÃO DA VISITA: 3 h

o castelo

Um castelo aberto todo o ano, exceto a 1 de janeiro e 25 de dezembro

Um castelo aquecido no inverno

Um mobiliário excecional confiado pelo Mobilier National

Salas do castelo dedicadas a exposições de arte contemporânea

O parque ornamentado com obras originais para contemplar ao percorrer os caminhos

O Festival de Jardins

Aberto de 24 de abril a 4 de novembro de 2018

O Festival é, desde 1992, um laboratório da criação contemporânea de jardins

30 jardins experimentais são renovados todos os anos com um tema diferente

Assinaturas de prestígios da atualidade e do futur

Mais de 730 jardins criados em 26 anos

o Centro de Artes e Natureza 

Mais de 3500 m2 abertos e aquecidos, dedicados todo o ano a novas exposições

A relação entre a Arte e a Natureza como tema de inspiração e de expressão para grandes artistas

A descobrir durante todo o ano no Parque Histórico obras permanentes de: Andy Goldsworthy, Giuseppe Penone, El Anatsui, Tadashi Kawamata, François Méchain, Anne e Patrick Poirier, Nikolay Polissky, Vincent Barré...